Lobuche - 2

Às 6h o Ram veio me chamar e eu senti que estava tão mal e fraca como no dia anterior. Além de tudo, estava triste, porque o grupo tinha seguido o roteiro e eu estava sozinha, largada numa cama, sem forças para levantar. Tudo bem distante do que eu havia planejado e o pior é que eu não tinha o que fazer.

Fui tomar café, mas estava tão fraca que não conseguia sequer fechar o trinco do quarto. O Ram teve que fazer isso pra mim.

No refeitório, o Ram me perguntou se eu conseguiria seguir, já que a ideia é que eu fosse encontrar o grupo para chegar no Campo Base. Disse que não sabia, mas quando eu terminei o café e levantei para ir ao quarto, tive certeza que a única coisa que eu queria era ficar na cama.

Fiquei muito triste porque perdi as duas principais coisas para as quais eu vim: o Base Camp e o Kala Pathar. Tinha vontade de chorar e perceber que nem tudo que a gente planeja, a gente consegue cumprir, é muito triste.

Uma coisa é quando dependemos dos outros, aí sim não existe controle, mas quando depende de nós e não conseguimos, é ainda mais doloroso.

Por volta das 13h, o Rodrigo Raineri chegou e foi me ver juntamente com o Ram, que acho que estava preocupado, já que eu não havia saído do quarto por dois dias inteiros. Conversou comigo para entender como eu estava e chegou à conclusão que seria melhor me dar uma dose forte de antibiótico, já que eu estava desidratada e com uma infecção forte. Imagine eu que nunca tomei antibiótico na vida, fazer isso nessa idade, no meio do Himalaia, mas tenho certeza que sem isso, não teria conseguido levantar.

Continuei na cama e o restante do grupo chegou por volta das 16h e começou aquela bagunça gostosa e toda a conversa no refeitório.

Como eu estava me sentindo um pouco mais forte por causa do remédio, consegui ir até lá e ficar com eles. Todos fizeram uma festa quando me viram e me contaram como tinham sido esses dois dias, que tinham sido puxados, mas muito bons.

Ficamos no refeitório, jantamos, tomamos chá, conversamos e fomos deitar por volta das 21h. Tomei nova dose de antibiótico, o que aconteceria pelos próximos 5 dias e parecia estar me sentindo melhor.

A caminho do Campo Base (2).jpg

Postagens em Destaque
Postagens Recentes
Siga-me
  • Wix Facebook page
  • LinkedIn Social Icon
  • YouTube Social  Icon

Faça parte da nossa lista de emails

Nunca perca uma atualização