Arusha - 2

Hoje levantamos às 07h30, tomamos café da manhã, depois o Carlos passou nos quartos para checar os equipamentos e roupas de todos, dizer o que faltava para cada um e saímos para trocar dinheiro, comprar os últimos itens no supermercado e depois almoçar. Mal pusemos os pés na rua, um grupo de uns 6 africanos já colaram em nós e começou aquele festival de tentar vender pintura, mapa, chapéu, pulseira e aquela falação em swahili. Confesso que depois do dia todo de ontem, estava sem paciência para isso novamente. É muito cansativo ter que ficar dizendo não o tempo todo, agradecendo, respondendo perguntas, enfim, muito chato.

Como o grupo era grande (11 pessoas) e o hotel onde estávamos era bom, eles se animam e acham que vão conseguir algo.

Aproveitei e troquei dinheiro (Xelim Tanzaniano) para toda a viagem, incluindo o safari e Zanzibar, para não ter que me preocupar com questão de local confiável, taxa de câmbio, etc. Como o restaurante que o Carlos queria nos levar estava fechado, voltamos para o hotel e almoçamos por lá mesmo.

Após o almoço nos reunimos com o guia africano Be Host para o primeiro briefing sobre a expedição onde foram informadas coisas como tempo das trilhas, itinerário, dia a dia da expedição, a questão da hidratação, comida e foram entregues os sacos de dormir e casacos para quem tinha alugado. Depois disso teríamos o restante do dia livre.

Cada um foi fazer alguma coisa. Uns foram para a sauna, outros para a piscina, como eu, e a Arlete foi rodar a cidade para checar a questão do safari em uma agência de turismo local. Fiquei um tempo na piscina e o Joel e o Alexandre ficaram treinando por ali.

Depois saímos da piscina e ficamos horas conversando na mesa em frente à piscina, tomando cerveja e comendo. Por volta das 19h começamos a ficar preocupados com a Arlete, pois já estava escuro e não era recomendável que uma mulher ficasse andando à noite sozinha.

Fui para o quarto tomar banho e ela chegou. Nos arrumamos e descemos para jantar por volta das 21h. O Felipe tinha acabado de chegar e assim o grupo estava completo. Jantamos, rimos muito com o Felipe e o Gian e nos recolhemos por volta das 22h.

Deixamos as coisas (marinheira e mochila de ataque) arrumadas para a manhã seguinte e nos preparamos para dormir. Amanhã o dia começa cedo, por volta das 06h30 e, enfim, estaremos de volta à montanha.

Postagens em Destaque
Postagens Recentes
Siga-me
  • Wix Facebook page
  • LinkedIn Social Icon
  • YouTube Social  Icon

Faça parte da nossa lista de emails

Nunca perca uma atualização