Sozinha numa mesa de bar

Aviso aos homens: uma mulher sozinha num bar, não está necessariamente procurando companhia ou querendo ser paquerada. Às vezes ela só quer comer e dar uma relaxada.

Estou viajando só, para variar, mas dessa vez a trabalho e fui jantar num bar próximo ao hotel. Sentei na minha mesa de frente para a avenida da praia, pedi meu vinho e meu prato. De repente olhei para frente e vi um senhor, nada com a questão da idade, que me encarava de uma forma que chegou a me causar constrangimento.

Fingi não ter percebido, afinal mulheres que viajam sozinhas precisam ser boas em dissimulação e continuei sorvendo minha deliciosa taça de vinho, mas sabe aquela visão periférica que é desenvolvida nas mulheres? Então...ela me dizia a todo momento que ele não tirava o olho de mim.

Na boa, não estou me valorizando ou fazendo gênero, mas aquele olhar ostensivo estava me incomodando mesmo. Ele parecia petrificado e não tirava os olhos.

Tive vontade de começar a palitar os dentes, colocar um orégano no outro dente, mastigar de boca aberta, sei lá, qualquer coisa que o fizesse desistir de mim, mas ele ficou uns 15 minutos olhando fixamente. A minha comida chegou, eu comi, bebi vinho, olhei para os coqueiros da praia, para os outros frequentadores do bar e até conversei com o garçom e nada da criatura desviar o olhar.

Depois de um tempo, que para mim pareceram horas, ele foi embora e eu pude, enfim, relaxar com a minha taça de vinho.

Ser paquerada é bom, ser admirada também, mas invadir o espaço vital do outro dessa maneira, é no mínimo deselegante. Fica a dica!!

Postagens em Destaque
Postagens Recentes
Siga-me
  • Wix Facebook page
  • LinkedIn Social Icon
  • YouTube Social  Icon

Faça parte da nossa lista de emails

Nunca perca uma atualização