Um pouso para a alma

A vida é mesmo um grande mistério. Um eterno reviver de sensações, uma nova descoberta a cada relacionamento, novos encontros que despertam outras visões e lados desconhecidos de nós mesmos.

Mas ela prega peças nos mais incautos, naqueles momentos em que seguimos distraídos, pensando, que afinal, certas coisas parecem ter tomado seu rumo e encontrado seu caminho.

De repente a gente abre janelas, escancara as portas para que a lufada de bons sentimentos possa entrar e invadir cômodos estagnados pelo ceticismo. Por alguns momentos nos permitimos ficar assim: descansados e tranquilos, com o coração em paz.

Mas de novo ela vem e nos testa, testa nossa fé, nossa coragem, nossa resiliência. Aquele caminho calmo e tranquilo pode ter sido apenas um pouso para as almas cansadas da procura e da decepção, mas um pouso não é um porto onde as expectativas atracam para enfim podermos sentar no convés e admirar o horizonte.

Um pouso é só uma parada, uma possibilidade de encher os pulmões para a jornada que parece nunca ter fim.

A vida é mesmo um grande mistério e um eterno aprendizado.

Travessia Serra Fina (Passa Quatro - MG)

Postagens em Destaque
Postagens Recentes
Siga-me
  • Wix Facebook page
  • LinkedIn Social Icon
  • YouTube Social  Icon

Faça parte da nossa lista de emails

Nunca perca uma atualização